Posts com a Tag ‘solidariedade’

Seja solidário

quarta-feira, 15 de maio de 2013

Em 2001 foi instituída a lei Estadual que determina a data de hoje como o Dia da Solidariedade. Cézar Busatto foi o responsável pela criação do comitê que tem como objetivo disseminar e plantar a semente na vida das pessoas.

 
Em Venâncio Aires, todos os dias, são relatados casos de boas ações ao próximo. Integrantes de clubes de serviço ou entidades da comunidade se dedicam em prol da comunidade venâncio-airense, empresários doam e auxiliam no que podem. Campanhas de arrecadação de alimentos, pasteladas benefícios auxiliam na vida de pessoas que necessitam.

 
A solidariedade não requer somente bens materiais, mas sim, simples sorrisos que enriquecem um dia e talvez uma semana inteira. Lembro-me o quão importante são os pequenos detalhes. Um simples bom dia ou obrigado. Gestos que enriquecem e que nos tornam mais humildes a cada dia. Ser solidário é de extrema importância, pratique!

 

Ana Carolina Becker
anacarolina@folhadomate.com.br

Hoje é dia de se desafiar

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Todos os anos, na última quarta-feira do mês de maio, somos convocados a nos desafiar e praticar algum exercício físico por pelo menos 15 minutos. É o Dia do Desafio, que é comemorado em todo o mundo. A data me bateu curiosidade e resolvi pesquisar como ela surgiu. E olha que a história é interessante.

Em 1983, fazia muito frio em um dia típico de inverno numa cidadezinha do Canadá e ninguém saía de casa. No entanto, através de uma ordem do prefeito, os moradores foram convocados a apagar as luzes de casa e dar uma volta no quarteirão. Enquanto alguns ficaram debaixo das cobertas, outros resolveram atender ao chamado. Não foi possível contar o número exato de participantes, mas pela quantidade de energia economizada fez-se um balanço de quantos haviam abraçado a ideia. O desafio lançado àquelas pessoas, sem dúvida, era não apenas vencer o frio, mas principalmente mudar de atitude com relação à prática de atividades físicas. Foi assim que surgiu o Dia do Desafio.

Uma ideia simples, criativa e que levou cidadãos, entidades e o governo local a se unir em prol de um objetivo. Hoje, todos venâncio-airenses estão convidados a se desafiar. Aqui na Folha do Mate, todos os colaboradores praticaram exercícios logo cedinho, orientados pela equipe do Sesc. Mas sabe que não seria má ideia se todos pudessem aliar desafio e solidariedade? Assim como na historinha contada, seria significativo se todos pudessem, por exemplo, fechar as torneiras. Quero dizer, não desperdiçar. É evitar que muita gente tenha que se deslocar muitos quilômetros de casa para buscar uma balde de água para consumo humano. A seca que vem se agravando e resultou na decretação de emergência nesta semana vem assuntando, especialmente os agricultores, em Venâncio Aires. Também não seria má ideia abrir o guarda-roupa e selecionar aquelas roupas que você não usa mais para doar para a campanha do agasalho. Claro que o desafio consiste na prática de uma atividade física, faça-a, mas também seja criativo e acima de tudo solidário com você e com a sua comunidade. Se desafie!

Letícia Wacholz
leticia@folhadomate.com.br

Campanhas humanas

sexta-feira, 11 de junho de 2010

O final de semana é marcado pela realização de duas grandes campanhas em Venâncio. Apesar de da repetição anual, o engajamento de voluntários na Campanha do Agasalho e na Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite, faz com que elas sejam acontecimentos que mereçam um destaque maior a cada edição.

Além de garantir o direito social de cada cidadão, vestir a população carente no inverno e garantir a disponibilidade da prevenção contra a paralisia infantil são causas nobres. É quando há a ultrapassagem da simples exigência de que a população tenha qualidade de vida. É quando ajudamos a proporcionar o que exigimos. É quando os atos extrapolam o que é garantido por lei. É quando paramos de pensar apenas na própria situação e vemos reflexos do próximo em nossas vidas.

São as centenas de voluntários trocam suas horas de ócio pelo trabalho em prol do outro. São os trabalhadores da saúde que desde cedo fazem plantão nos pontos de vacina. São as pessoas do interior do município que cedem espaço em suas residências para a aplicação de doses. São os jovens que percorrem a cidade atrás de um caminhão com agasalhos, a pé, recolhendo agasalhos de casa em casa. É a comunidade que abre as portas do guarda-roupa e fica atenta à aproximação do veículo para realizar a doação. São as pessoas que tornam significativas as campanhas e estendendo os seus braços, expandem e fortalecem as ações.

Parabéns a todos os voluntários que neste e em outros finais de semana dedicam um pouco do seu tempo para garantir um sorriso alheio.

Juliana Bencke

juliana@folhadomate.com.br

Campanha do Agasalho mobiliza dezenas de pessoas para a arrecadação de peças

Atitude que salva vidas

terça-feira, 1 de junho de 2010

Recebi da Pamella Tucunduva da Silva, dias atrás, endereço do blogue Crie&post, em que mostra um curta de dois minutos, postado em 2 de junho de 2009, denominado ‘Atitude salva vidas’. É que, além do seu irmão Milton, integra o ‘cast’ da atores a nossa colega da redação Juliana Bencke. Ela interpreta uma menina de rua que, mesmo triste por ser alvo de chacota, revela-se solidária ao doar sangue.

Ao final fica a mensagem que ‘aparência não salva vidas. O que vale é ter atitude!’. Uma iniciativa bacana da turma que gravou as imagens próximo ao Hospital São Sebastião Mártir, em Venâncio Aires, e no Hospital Santa Cruz, em Santa Cruz do Sul.

Vale pena conferir a mensagem desta garotada, gravada em celular.

Caco Villanova

caco@folhadomate.com.br